sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Tarte de arroz doce e framboesa

Esta receita vem na Mulher Moderna, o original era feito com mirtilos, mas na falta deles resolvemos acabar a tarte com framboesas e morangos...
Ficou mesmo muito boa, e é uma sobremesa que não fica excessivamente doce. 

Ingredientes:
1 emb massa folhada
2 dl de água
1 casca de limão
1 pau de canela
300 gr arroz carolino
1,5 Lt leite quente
250 gr açúcar
1 folha gelatina
300 gr framboesas e morangos
sal q.b

Preparação:
Ligue o forno a 180º C. Forre uma tarteira de 25 cm com a massa folhada e cubra-a com papel vegetal- Preencha-a com leguminosas secas e leve a meio do forno a cozer, durante 10 min. Decorrido o tempo, elimine as leguminosas e o papel vegetal e coza, por mais 5 min. Retire do forno e deixe arrefecer.
Coloque a água num tacho com a casca de limão, o pau de canela e sal; leve ao lume, até ferver. Junte o arroz e deixe cozinhar em lume brando, mexendo de vez em quando, até a água evaporar. Verta depois o leite quente e deixe cozer, em lume brando, mexendo.
Assim que o arroz estiver cozido, adicione 175 gr do açúcar e cozinhe, por mais 5 min, sempre em lume brando. Retire do lume e deixe arrefecer, eliminando a casca de limão e o pau de canela. Coloque depois o arroz na tarteira, com a ajuda de uma colher, e reserve no frigorífíco.
Prepare a cobertura: Demolhe a gelatina em água fria. Coloque o resto do açúcar num tacho com a fruta e leve a lume brando. Deixe ferver por 2 min, junte a folha de gelatina escorrida e mexa. Retire do lume, e depois de arrefecer um pouco, disponha sobre a tarte, espalhando. Leve novamente ao frigorífico e sirva-a decorada a gosto.

Como sobrou um pouco de arroz e cobertura, fizemos umas tacinhas também.

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Peito de frango surpresa

Esta receita foi para acompanhar o risotto verde.
A receita é baseada numa do ingrediente secreto e, só vos digo, é uma delícia.
Achei que era muito complicado rechear o peito sem o abrir, mas usei a dica do Chef Henrique Sá Pessoa, e tornou-se bastante simples.

Ingredientes:
2 peitos de frango
1 farinheira
azeite
sal e pimenta q.b.

Preparação:
Com uma faca, faça um corte na parte superior do peito e perfure-o com o dedo. Coloque um bom pedaço de farinheira no furo do peito de frango. Se os peitos de frango forem finos não precisam de ir ao forno, se forem grossos, coloque-os no forno durante cerca de 10 minutos a 160º (eu levei à actifry por 10 min, virando a carne a meio do tempo).
Coloque os peitos de frango numa frigideira anti-aderente com azeite, tempere com sal e pimenta. Vire os peitos de frango assim que ganharem cor, retire do lume, tape a frigideira e deixe-os repousar durante 8 minutos. Retire os peitos de frango da frigideira.

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Risotto verde

Vi esta receita no blog da Carla, e soube logo que tinha de a testar. Adoro o sabor dos espargos, e escolhi para acompanhar uns peitos de frango recheados.
Adorámos o sabor, fica mesmo delicioso!!!


Ingredientes (2 pess):
150g risotto
1/2 cháv chá vinho branco
azeite, cebola e alho
1 colh sopa manteiga
10 espargos
1 lt água
1 caldo knorr
queijo parmesão ralado na altura
sal


Preparação:
Cortam-se os espargos, reservam-se as pontas e cozem-se num 1 litro de água temperada com 1 caldo knorr. Quando cozidos trituram-se com varinha mágica e este vai servir como caldo de cozedura.
Saltear as pontas dos espargos num pouco de azeite.
Fazer um refogado, em lume brando para não queimar. Juntar o risotto, deixar fritar, mexendo sempre, até ficar translúcido.
Adicionar o vinho branco. Quando evaporar, ir juntando aos poucos o caldo de espargos, deixando sempre ser absorvido pelo arroz, antes de deitar mais um pouco, até cozinhar a gosto, mexendo sempre.
Quando cozinhado envolver um pouco de manteiga e queijo parmesão ralado. Adicionar as pontas dos espargos salteadas e servir de imediato.

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Bolo de maçã e canela

Baseei-me neste bolo, para fazer o que vos trago hoje. 
Um bolinho aromático, que ficou bem bom!!

3 maçãs médias
5 ovos
150g margarina vaqueiro líquida
250g açúcar amarelo
250g farinha 
1 colh café fermento
1 colh chá canela + p/ polvilhar
Sumo de 1/2 limão

Preparação:
Aquecer o forno a 180ºC. 
Barrar uma forma baixa com margarina e reservar.
Descascar e partir as maçãs em fatias finas. Regar com o sumo de limão. Reservar no frigorífico.
Numa taça, bater muito bem o açúcar juntamente com a margarina. Juntar os ovos inteiros e bater novamente. Por fim juntar a farinha, o fermento e a colh chá canela e envolver até a massa estar homogénea. 
Colocar a massa na forma reservada e colocar as fatias de maçã por cima, na vertical, de forma a entrarem bem na massa. Levar ao forno cerca de 25-30 minutos. 
Testar a massa com um palito, retirar do forno e polvilhar, ainda quente, com canela.

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Costeletas de borrego com funcho

Mais uma receita retirada do site da vaqueiro.
A embalagem do funcho foi acabada com esta receita. Apesar de termos gostado, continuo a preferir as costeletas de borrego grelhadas ou fritas.

Ingredientes (4 a 6 pess):
600 g de batatinhas novas 
água
sal
12 costeletas de borrego
pimenta
3 a 4 dentes de alho
1 limão
1 cebola
1 folha de louro
1 bolbo de funcho
1 dl de cerveja
80 g de Vaqueiro

Preparação
Lave as batatas, coloque-as num tacho, cubra com água e tempere com sal. Leve a cozer sobre lume moderado até as batatas estarem macias.
Entretanto, tempere as costeletas de borrego com sal, pimenta, os dentes de alho esborrachados e o sumo de limão.
Descasque a cebola e corte-a em meias luas finas. 
Lave muito bem o bolbo de funcho, retire-lhe as folhas verdes, pique-as e reserve-as. Corte o bolbo em lâminas finas.
Derreta metade da Vaqueiro numa frigideira funda e aloure aí as costeletas de borrego de ambos os lados. Retire as costeletas para outro recipiente e deite na frigideira a restante Vaqueiro, deixe derreter e adicione a cebola e o funcho. Tape e deixe estufar sobre lume moderado. Quando a cebola e o funcho estiverem moles, adicione a cerveja e tempere com um pouco de sal. Tape e deixe cozinhar suavemente durante cerca de 10 minutos. Introduza de novo as costeletas, tape e deixe cozinhar sobre lume brando mais 10 minutos.
Ao mesmo tempo, escorra as batatas que já devem estar cozidas, volte a metê-las no mesmo tacho, junte a Vaqueiro e leve ao lume, agitando o tacho até a Vaqueiro estar completamente derretida. Perfume com as folhas verdes de funcho e pimenta moída na altura. Sirva a acompanhar as costeletas.

domingo, 25 de setembro de 2011

Sopa de abóbora butternut com funcho

Foi a minha 1ª vez com o funcho. Tem um sabor adocicado, diferente...
A sopa ficou deliciosa, retirei do site da vaqueiro. Nunca tinha feito sopa assim, e adorámos o resultado.

Ingredientes:
1 cebola
1 bolbo de funcho
1 alho francês
80 g de Vaqueiro 
2 dentes alho
2 cenouras
2 batatas
sal
1 abóbora butternut (±1 kg)
água
pimenta de moinho

Preparação:
Descasque a cebola e os alhos e corte em meias luas para dentro de uma panela. Tire e reserve as folhinhas verdes ao bolbo de funcho, corte-o em quartos, retire-lhe o talo central, corte em fatias finas, lave, e junte à cebola e ao alho. 
Corte o alho francês em rodelas, passe-as por água corrente e deite-as na panela. Junte a Vaqueiro, tape e leve a estufar sobre lume brando enquanto prepara os restantes legumes.
Pele as cenouras e as batatas e corte-as em dados pequenos. Deite na panela, mexa, tempere com sal e volte a tapar a panela. 
Abra a abóbora ao meio, limpe-a de sementes, tire-lhe a casca e corte-a em dados pequenos. Junte aos restantes legumes e deixe suar mais um pouco sobre lume muito brando. Cubra os legumes com água a ferver e deixe cozer até estarem macios. 
Triture a sopa com a varinha mágica até obter um puré liso. Rectifique o sal e, se achar o creme demasiado espesso, adicione um pouco mais de água a ferver. Deixe retomar fervura e distribua pelos pratos de serviço.
Perfume com as folhinhas de funcho reservadas e pimenta moída na altura.

sábado, 24 de setembro de 2011

Tosta americana

Já há uns tempos que não saía uma tosta no blog. Não que tenhamos deixado de as fazer, mas porque vamos repetindo :)
O menino lembrou-se de fazer esta, para mim teve de ser diferente, porque cebola assim é demais para mim.. já vou comendo bem a cebola, mas não é preciso abusar.
Então deixo-vos as fotos de ambas.

Ingredientes:
bifanas fritas
cebola salteada
molhos a gosto

Ingredientes:
bifana frita
queijo
salame
batata palha
molhos a gosto

Espero que gostem...

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Batatas da prateleira

Esta vem na revista teleculinária deste mês. Assim que a comprei ficou logo marcada.
Claro que a minha filha adorou, mas a aprovação foi geral. A original tinha bróculos, eu não tinha em casa, mas se quiserem por deve ficar ainda melhor. Deixo ficar como fiz


Ingredientes:
batatas
salsichas lata
bacon
queijo flamengo 
queijo parmesão ralado
ovos
1 fio de azeite
sal q.b.


Preparação:
Descasque as batatas, corte-as às rodelas, lave-as e coza-as, juntamente com os ovos lavados, em água temperada com sal.
Quando cozidos, escorra tudo e passe os ovos por água fria. Corte os ovos em rodelas.
Escorra e corte as salsichas em rodelas. Corte o bacon em tiras e salteie junto com as salsichas num pouco de azeite.
Deite as batatas no fundo de um pirex, junte o bacon e as salsichas e o queijo em pedaços. Adicione as rodelas dos ovos e cubra com queijo ralado. Leve a forno pré-aquecido a 180º C até gratinar.

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Quadrados de canela da Galinha Maria

Esta fui roubar a este blog, que só tem coisinhas boas :). 
Receita para a bimby, facilmente adaptada a uma batedeira.
Saíram um quadrados bem gostosos, a minha filha até quer que a ensine a fazê-los... 

Ingredientes:
7 ovos
200 gr açúcar amarelo
150 gr farinha 
2 colh sopa canela pó
Açúcar e canela q.b. para envolver o bolo

Preparação:
Pré-aquecer o forno a 180.ºC. Untar um tabuleiro rectangular com margarina. Reservar. 
Colocar a borboleta na lâmina e pôr no copo os ovos e o açúcar. Programar 10 min / temp 37 / vel. 4.
Ao fim desse tempo, juntar a farinha e a canela e envolver 10 seg / vel. 3. 
Verter a massa para o tabuleiro preparado e levar ao forno cerca de 20 a 25 minutos. 
Preparar uma taça com açúcar e canela para envolver os pedaços de bolo.
Verificar a cozedura e retirar do forno. Ainda quente, cortar o bolo em quadrados pequenos e passá-los pelo preparado de açúcar e canela.

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Bacalhau à entrudo gratinado

Esta saiu de uma revista, não sei qual. Só sei que saiu mesmo bom :)

Ingredientes:
bacalhau demolhado
batatas
couve coração de boi
cebola
alho
ovos
azeite
coentros
pão ralado
molho de natas para peixe mimosa

Preparação:
Fazer um refogado com a cebola e os alhos picados, os coentros e o azeite, e no final reservar.
Cozer o bacalhau. Depois de cozido, retirar peles e espinhas e lascá-lo.
Descascar e cortar as batatas em rodelas.
Arranjar e cortar a couve em pedaços pequenos.
Cozer as batatas, as couves e os ovos em água temperada com sal.
Envolva no refogado as couves, as batatas e o bacalhau lascado. Deitar num pirex, cobrir com os ovos cortados em rodelas e regado com o molho de natas. Polvilhe com pão ralado e leve ao forno pré-aquecido a 180º C, até dourar.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Um arroz malandrinho e maravilhoso

A minha mãe faz salgados em casa, e estes vieram de lá. Umas delícias de frango e cogumelos, super gostosas!!
Para acompanhar fiz um arroz que ficou uma verdadeira delícia...

Ingredientes (3 a 4 pess):
1 1/2 cháv chá arroz carolino
1 lata peq feijão manteiga 
2 linguiças
espinafres folha
alho e cebola picados
azeite
1 caldo knorr 
água

Preparação:
Fazer o refogado com a cebola, o alho e o azeite em lume brandinho.
Quando lourinho, juntar a linguiça em rodelas e deixar saltear um pouco, entretanto juntar os espinafres e o knorr e mexer bem até murcharem.
Em seguida juntar o feijão e a calda, e envolver bem.
Juntar água a gosto e quando estiver a ferver juntar o arroz. Deixar cozinhar.

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Pied bleu estufados com fettuccine funghi

Andava curiosa com os cogumelos de pé azul, ainda não tinha comprado porque são bem mais caros que os de paris ou até os pleurotus (assíduos cá em casa). Mas da última vez que fui ao continente não resisti e trouxe um pacote comigo.
Nunca comi cogumelos selvagens, mas a sensação que tive a comer estes é que seria assim que saberiam. Têm um sabor bem diferente dos que costumo comprar, forte.. Provem, e contem-me :)
Depois desta receita, sobrou um pouco de massa fettuccine com sabor a funghi. Foi o acompanhamento escolhido para os Pied bleu, assim como uns espinafres salteados com pinhões.

Ingredientes:
cogumelos frescos pied bleu
espargos verdes
cebola 
alho
cenoura
margarina e azeite
bacon
vinho branco
sal e pimenta q.b.

Preparação:
Descasque a cebola, o alho e a cenoura. Corte a primeira em meias-luas e o resto em cubinhos.
Refogue ambas na manteiga. Adicione os espargos e envolva. Corte o bacon em cubos, junte-os aos legumes e refogue mais um pouco. Corte os cogumelos em quartos e adicione-os ao cozinhado. Tempere com sal e pimenta.
Refresque com o vinho e deixe reduzir.

domingo, 18 de setembro de 2011

Uma sugestão para um dia preguiçoso

Antes de mais quero agradecer os simpáticos comentários que recebi ontem pelo aniversário. Nem sei como agradecer o carinho comigo!! Vocês são o meu incentivo :)
Obrigado!!!!

Todas nós temos dias em que não apetece mesmo fazer nada de especial, a sugestão de hoje é mesmo para dias assim...
Convenço o marido a grelhar as costeletas, e o resto trato eu :).
Tinha sobrado arroz de especiarias, foi só fazer uns espinafres salteados com cogumelos e mozzarela, e saiu uma refeição bem simples e super apetitosa...

Que tal o aspecto?

sábado, 17 de setembro de 2011

Já faz 3 anos...

Parece que foi ontem, mas já passaram 3 anos desde que fiz o 1º post no ratatui.
Já vos contei, foi graças ao meu irmão e a um grande amigo que comecei a dar os primeiros passos na blogosfera, e ainda bem que o fiz porque estou a adorar. 
Fiz descobertas deliciosas a nível culinário, mas não só. É uma troca diária com pessoas que não conheço pessoalmente, mas por quem nutro muito carinho. 
Obrigado a todos vós, que passam por aqui e que deixam uma palavra (ou não), pois sem vocês este canto não faria sentido.



sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Bolo de canela e cacau à Starbucks

O primeiro blog onde me lembro de ver este bolo foi o da Gasparzinha. Depois seguiram-se vários a testá-lo e eu tenho andado a adiar até que saiu um na minha cozinha também...
A textura é maravilhosa, a crosta divina, enfim um bolinho mesmo bom para acompanhar uma púcara de café ou de chá :).
Desculpa Gasparzinha, mas fui roubar receita e o teu texto :)

Ingredientes:
110g de manteiga

250g de açúcar
3 ovos
150g de farinha
60g de cacau
1 colher chá de canela
½ colher chá de sal
½ colher chá de bicarbonato de sódio
¼ colher chá de fermento para bolos
½ chávena (120ml) de buttermilk (coloque 1/2 cháv leite com 1/2 colh sopa sumo limão e deixe repousar até coalhar)
2 colher sopa de água
1 colher chá de essência de baunilha

Crosta:
80g de açúcar amarelo 
½ colher chá de canela
½ colher chá de cacau

Preparação:
Aqueça o forno a 180ºC. 
Coloque no copo a farinha, o cacau, a canela, o sal, o fermento e o bicarbonato e programe 5 seg / vel 5. Reserve.
Bata a manteiga, o açúcar e os ovos por 4 min / vel 4.
Misture a água e o aroma de baunilha ao buttermilk.
Programe 4 min / vel 3 e vá adicionando alternadamente pelo bucal a mistura de farinha e a de buttermilk, começando e acabando com a primeira.
Deite a massa numa forma, já untada e enfarinhada.
Numa tacinha, misture os ingredientes da crosta: o açúcar, a canela e o cacau. Espalhe pela superfície do bolo.
Leve ao forno por 40 a 50 minutos, até que passe no teste do palito.
Deixe arrefecer por 10 a 15 minutos, depois passe uma faca pela borda e desenforme.
Deixe arrefecer totalmente antes de partir.

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Arroz de especiarias HSP

Esta receita foi retirada do ingrediente secreto do chefe Henrique Sá Pessoa.
Só acrescentei umas especiarias. Sinceramente achei que ia ficar mais aromático, mas gostámos. É um acompanhamento diferente e simples de fazer.
Foi para acompanhar os hamburguers no forno.

Ingredientes:
arroz thai
água
1/4 colh chá cardamomo moído
1/2 colh chá cominhos
1/2 colh chá caril pó
1/4 colh chá gengibre moído
1/4 colh chá coentros moídos
alho
cebola
azeite
2 cascas limão

Preparação:

Aqueça azeite numa frigideira funda. Adicione a cebola e o alho picados, as especiarias e vá mexendo. Adicione o arroz, envolva tudo e deixe fritar com as cascas de limão.
Junte água já quente com um pouco de sal. Deixe cozer entre 8 a 10 minutos.

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Hamburguers com cubos de fiambre no forno

Tinha hamburguers para fazer, queria fazê-los de forma diferente, procurei e encontrei esta receita que me agradou bastante.
Substitui os cogumelos por fiambre, e ficou uma delícia.

Ingredientes:
4 hamburguers caseiros
4 fatias queijo
cubos de fiambre q.b.
1/2 pac sopa cebola
1 colh sopa mostarda
1 colh sopa ketchup
1 cerveja mini preta
200 ml natas soja

Preparação:
Num tachinho ferva a sopa de cebola, as natas, os molhos e a cerveja, por forma a ficar um molho cremoso.
Num pirex coloque os hamburguers, uma fatia de queijo em cada um e os cubos de fiambre. Cobrir com o molho e levar ao forno pré-aquecido a 180ºC por cerca de 30 min.

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Amêijoas à moda do António

Temos um colega lá no trabalho que vai às amêijoas de vez em quando ao domingo. Um destes domingos calhou-nos umas amêijoas, que são enormes e deliciosas.
Ele deu-nos a receita e assim fizemos. Aqueci pãozito no forno e foi um jantar e "pêras" :)

Ingredientes:
amêijoas
azeite
3 dentes de alho esborrachados
coentros
sumo de limão

Preparação:
Cobrir o fundo de um tacho com azeite, juntar os alhos e aquecer.
Adicionar os coentros picados, as amêijoas, tapar o tacho mexendo de vez em quando até abrirem.
Temperar com sumo de limão e servir quentinho.

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Tarte especial de amêndoa

Esta tarte foi baseada em várias revistas e livros.
A massa foi retirada de um lado, o recheio de outro e finalmente a cobertura de outro... O que é certo é que ficou uma delícia :)

Ingredientes:


Para a massa quebrada: 
40 gr amêndoa c/ pele ralada
170 gr farinha
130 gr manteiga
120 gr açúcar
4 gemas ovo
1 tampa de aroma de baunilha


Recheio:
200 gr miolo de amêndoa com pele
1 lata de leite condensado
4 ovos
1 de de natas
55 gr farinha
whisky

Cobertura:
150 gr açúcar
80 gr margarina
1 colh sopa caramelo liquido de compra
0,5 dl natas
200 gr miolo de amêndoa laminada


Preparação:
Peneire a farinha para a massa quebrada, junte a amêndoa ralada, faça uma cova no meio e deite aí a manteiga aos pedaços, o açúcar, as gemas de ovo e o aroma de baunilha. 
Amasse este preparado. Tape a massa com folha de alumínio e deixe-a a repousar 1 hora no frigorífico. Quando fria, estenda a massa e forre uma tarteira.
Triture as amêndoas. Numa tigela à parte misture muito bem os ingredientes do recheio com uma vara de arames. Verta na tarteira forrada e leve ao forno a 200º C, por cerca de 35 min.
Para a cobertura, leve ao lume o açúcar com a margarina e o caramelo e deixe ferver, mexendo sempre até ficar com cor dourada. Acrescente as natas e a amêndoa e mexa bem até atingir o ponto de estrada.
Retire o preparado do calor e verta-o sobre a tarte. Leve novamente ao forno a 200º C, até a amêndoa dourar. Retire, deixe arrefecer e sirva.

domingo, 11 de setembro de 2011

Gelado de mascarpone e framboesa


Esta receita é uma repetição desta, tivemos cá familiares em casa, e queria fazer um gelado que fosse um sucesso garantido.
As fotos é que não fui a tempo, fica só a da sorveteira para verem a cor dele... Tão apetitosoooo :)


Ingredientes:
250 gr queijo mascarpone
130 gr açúcar mascavado
3 iogurtes de soja de amora
250 gr framboesas congeladas
1 colh sopa sumo de limão

Preparação:
Guardar um pouco de framboesas para decoração, e colocar os restantes ingredientes na bimby e triturar 25 seg na vel 5.
Levar à sorveteira por 30 min. Colocar no congelador até ser altura de servir.

sábado, 10 de setembro de 2011

Linguine al nero di seppia com cenas boas

Depois desta experiência positiva com esta massinha, saiu mais uma bem rápida e prática de fazer.
Espero que gostem.

Ingredientes:
linguine al nero di seppia
linguiça
cogumelos paris
espinafres
azeite
alho picado
sal e pimenta
ervas finas

Preparação:
Cozer a massa conforme indicações na embalagem.
Saltear em azeite e alho picado os cogumelos, a linguiça e por fim os espinafres. Temperar com sal, pimenta e ervas finas.
Servir por cima da massa.

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Mais um prato sem nome

Não sei como lhe chamar, acho que será algo entre caldeirada, cataplana ou zarzuela de marisco e peixe.
Comecei a fazer, fui dando um jeitinho e saiu um prato maravilhoso de peixe. Tenho um reparo a fazer numa próxima vez, juntar um pouco de amido só no molho para engrossar um pouco, e peixe só mesmo tamboril, porque o red fish desmanchou-se mesmo todo... 
O sabor?? Esse sim, maravilhoso!!!

Ingredientes (4 pess):
400 gr tamboril em filete
2 red fish
camarão q.b.
amêijoa q.b.
1/2 pimento vermelho
1/2 pimento verde
1 cebola
2 cháv café vinho branco
2 dentes de alho
salsa picada q.b.
2 colh sopa tomate frito
2 colh café açafrão
azeite q.b.
1 caldo knorr marisco
sal e pimenta moída na altura

Preparação:
Fazer um refogado com a cebola e o alho picados e o azeite. Quando lourinho juntar o pimento cortado em pedaços. Deixar saltear um pouco, juntar o tomate o açafrão, o knorr e a salsa picada e envolver bem.
Juntar o peixe cortado em pedaços, os camarões, 1 cháv vinho tapar, temperar com pimenta e deixar cozinhar, mexendo de vez em quando.
Adicionar as amêijoas, a cháv de vinho restante, rectificar temperos, tapar até abrirem as amêijoas e servir.

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Guisado de lulas

Esta é mais uma receita do José Avillez, da colecção que saiu no expresso. 
Confesso que me desiludiu um bocado, a foto da revista era fabulosa, e eu para conseguir cozinhar tive de ir alterando a receita, porque fiel ao que estava escrito, não dava definitivamente.
O sabor estava gostoso, mas deixou-me desconfiada no rigor com que nos passam as receitas.

Ingredientes:
800 gr lulas frescas
250 gr cebola picada
200 gr cenoura cortada em rodelas
2 dentes de alho picados
1 folha de louro
1 molho pequeno coentros picados
0,5 dl vinho branco
azeite q.b.
sal q.b.
pimenta q.b.

Preparação:
Lave, limpe e corte as lulas aproveitando as pernas. Refogue as lulas num fio de azeite. à parte, refogue a cebola, o alho, a cenoura e o louro em azeite. Refresque com o vinho branco  .
Deixe cozinhar até a cenoura estar tenra. Retire a folha de louro e triture o refogado (aqui começou o problema, a quantidade de líquido era pouco). Corrija os temperos com sal e pimenta. Junte as lulas ao refogado triturado. Tape, leve a lume brando e deixe cozinhar aproximadamente durante 30 min ou até as lulas estarem tenras. (entretanto tive de acrescentar mais um pouco de vinho para cozinhar as lulas).
Se necessário, corrija os temperos. Junte os coentros picados e sirva bem quente. Acrescentei umas delícias do mar em pedaços no final.

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Frango com lima, gengibre e coentros

Comprei mais um livro da colecção "200 receitas", este é o "cozinha fácil".
Comecei por esta receita, que confesso que fui eu a que mais gostei cá em casa. O sabor da lima é de facto forte, e todos comeram mas não adoraram. 
Eu gostei, e soube-me mesmo bem.

Ingredientes (4 pess):
3 limas
1 cubo de 1cm de raíz fresca de gengibre, descascada e ralada
4 colh sopa coenteos picados bem finos, mais algumas folhas para guarnecer
2 colh chá óleo vegetal
4 coxas de frango

Preparação:
Raspe a casca de 2 das limas e parta-as ao meio. Misture a raspa com o gengibre e os coentros numa taça não metálica e junte, mexendo, 1 colh de chá do óleo.
Levante cuidadosamente a pele das coxas de frango e barre por baixo com a pasta de gengibre. Coloque  pele de novo no lugar, faça 3 ou 4 golpes nas partes mais grossas e pincele com o restante óleo.
Coloque as coxas num tabuleiro de forno, com a carne virada para baixo, com as metades das limas, e leve ao forno pré-aquecido a 220º C, durante 40 a 45 min, regando a carne de vez em quando. As coxas estão prontas quando a carne sair do osso e os sucos tiverem escorrido.

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Mousse de chocolate com pimenta rosa

Mais uma receita do chefe José Avillez. Ficou agradável a mistura de sabores, a consistência é que ficou mais molinha do que nós gostamos cá em casa. 
Fica o registo.

Ingredientes:
170 gr chocolate preto
75 gr leite gordo (usei m/ gordo)
1 gema
4 ou 5 claras
2 colh sopa de açúcar
pimenta rosa q.b.
flor de sal q.b
azeite q.b.

Preparação:
Derreta o chocolate em banho-maria e reserve-o morno. Ferva o leite. Com a ajuda de umas varas, envolva suavemente o leite fervido no chocolate e também a gema. Pare logo que a gema esteja incorporada. Com a ajuda de uma batedeira, bata as claras, a uma velocidade média, até estarem com alguma firmeza.
Aumente a velocidade e adicione gradualmente o açúcar. Continue a bater as claras até ficarem muito firmes e brilhantes. Com a ajuda de uma espátula, envolva 1/3 das claras no preparado de chocolate. Adicione as claras restantes cuidadosamente até ficarem completamente incorporadas.
Coloque a mousse numa taça grande e leve ao frigorífico durante 1h. Na altura de servir, tempere com um fio de azeite, flor de sal e pimenta rosa ligeiramente esmagada.

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Linguine al nero di seppia à bulhão pato

As massas de sabores da milaneza deixavam-me curiosa. 
Já tinha testado a de funghi, desta vez trouxe a negra, e ainda gostei mais. É mesmo excelente o sabor, a textura. São um pouco caras na minha opinião, mas de vez em quando comete-se uma extravagância :)
Decidi fazer com amêijoas e camarão, e visto que adoro o "bulhão pato" saiu este prato muito aromático, prático e delicioso.

Ingredientes:
linguine al nero di seppia milaneza
amêijoas
miolo de camarão
4 dentes alho esmagado com casca
1 folha de louro
limão
azeite
vinho branco
coentros picados
Sal e pimenta

Preparação:
Coza o linguine conforme instruções da embalagem.
À parte, coloque o miolo de camarão e as amêijoas num tacho tapado com um fio de azeite, o alho e o louro. Tempere com sal e pimenta.
Quando as amêijoas abrirem, refresque com um fio de vinho branco, junte os coentros e deixe evaporar. Finalmente perfume com sumo de limão e sirva por cima da massa.

domingo, 4 de setembro de 2011

Tagliatelle cozido em molho de almôndegas

Sou um bocado preguiçosa para fazer almôndegas, e quando me disponho faço logo um bom bocado delas. Salteio todas em azeite, divido para várias refeições e congelo. 
Estas foram a 2ª parte destas. Na nossa opinião feitas assim ficaram muito melhor :)

Ingredientes:
alho picado
cebola picada
azeite
almôndegas
salsa picada
caldo knorr
vinho branco
tomate frito

Preparação:

Fazer um refogado com o alho, a cebola picados e o azeite. Depois de louro adicionar o tomate frito. Juntar a salsa picada o caldo knorr, as almôndegas e o vinho e deixar evaporar um pouco. Juntar água e a tagliatelle e deixar cozinhar em lume brando até a massa estar cozida.

sábado, 3 de setembro de 2011

Misturada boa - Aproveitamento de sobras

Numa hora de almoço, lá saiu mais uma limpeza ao frigorífico. 
Eu não sei o que acham destes pratinhos assim misturados, mas eu cá adoro. Mais que nunca, nada se pode estragar, e às vezes o que sobra não dá para alimentar a todos. Temos de usar a imaginação, e quase sempre saem pratos apetitosos.


Neste dia tinha cogumelos frescos a pedir socorro no frigo, cerca de meia alheira de caça, espinafres e arroz e esparguete de sobra.


Na actifry coloquei a alheira e os cogumelos, temperados com um pouco de sal e pimenta e regado com azeite e programei 8 min.


Fiz uns ovos mexidos com espinafres e um comeu arroz e o outro esparguete. Saiu uma misturada bem boa :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...